• Drª Ana Paula Hayashi

Conheça o trabalho da Nutrição na Clínica La Posture

Semana passada iniciamos uma série de Posts na Clínica La Posture sobre Nutrição. Acompanhe no Blog a entrevista!

La Posture: Dra Ana, temos a mesma formação interdisciplinar em saúde pela Unifesp e, sempre valorizamos o cuidado com a saúde das pessoas através de trabalho em equipe de diferentes profissionais de saúde. Como a nutrição pode influenciar o trabalho da fisioterapia?

Dra. Ana Paula: Parece generalista, mas a resposta é: de diversas maneiras! A Nutrição é complementar à atuação preventiva, de manutenção e de tratamento que a Fisioterapia atua. Por exemplo, se o paciente for um idoso, a Nutrição pode atuar diretamente no combate da Fragilidade (uma Síndrome caracterizada por redução de força, massa muscular e funcionalidade). Sem o auxílio de uma alimentação adequada os exercícios da Fisioterapia ficam limitados e, assim, os resultados implicam diretamente na qualidade de vida do idoso. Já no caso de um pós operatório, a Nutrição garante uma boa recuperação muscular com o aporte de proteínas e aminoácidos necessários e utilizando alimentos que são favoráveis no processo inflamatório. Ainda, existem condutas nutricionais que atenuam a perda de massa muscular durante o período de inatividade, deixando a pessoa mais preparada para quando for liberada para a fisioterapia.


La Posture: Aqui na Clínica La Posture, temos recebido diversos casos de pacientes com dores- tanto lesões crônicas a agudas, a nutrição pode agregar no tratamento em ambos os casos?

Dra. Ana Paula: Sim, de três maneiras:

1) prevenindo o ganho de peso, por uma possível redução de atividade física;

2) atenuando os processos inflamatórios com uma alimentação equilibrada, rica em nutrientes que modulam esses processos; e

3) garantindo um bom aporte nutricional para uma recuperação adequada. É muito comum pessoas que tenham deficiências nutricionais terem uma maior dificuldade no processo de recuperação de lesões. Por isso, o papel do Nutricionista é garantir que esse processo não seja limitado pela alimentação.


La Posture: Há um momento ideal ou faixa etária mais específica que a pessoa deva procurar a nutricionista?

Dra. Ana Paula: Não, qualquer um pode procurar um Nutricionista, independente da faixa etária, não havendo um momento considerado ideal. É claro que se a pessoa está motivada e quer, por conta própria, ter o acompanhamento com um profissional já é meio caminho andado. Entretanto, muitas pessoas passam em consulta porque “o médico pediu” ou porque “familiares insistiram”, enfim, são aquelas que normalmente não se sentem preparadas para passar em atendimento, ocasionando uma possível resistência. Nesta situação, condutas diferentes são traçadas e aí vem a individualização do trabalho do Nutricionista, garantindo que todos possam ter bons resultados, independente do estágio de mudança em que se encontram (fase de preparo para uma mudança, de decisão para fazer a mudança, de mudança ou de manutenção).

11 visualizações0 comentário

© 2020 por Ana Paula Hayashi.